- Books

La pazza di casa

La pazza di casa Este libro es una novela un ensayo una autobiograf a La loca de la casa es la obra m s personal de Rosa Montero un recorrido por los entresijos de la fantas a de la creaci n art stica y de los rec

  • Title: La pazza di casa
  • Author: Rosa Montero
  • ISBN: 9788876847950
  • Page: 283
  • Format: Paperback
  • Este libro es una novela, un ensayo, una autobiograf a La loca de la casa es la obra m s personal de Rosa Montero, un recorrido por los entresijos de la fantas a, de la creaci n art stica y de los recuerdos m s secretos Es un cofre de mago del que emergen objetos inesperados y asombrosos.La autora emprende un viaje al interior en un juego narrativo lleno de sorpresas EnEste libro es una novela, un ensayo, una autobiograf a La loca de la casa es la obra m s personal de Rosa Montero, un recorrido por los entresijos de la fantas a, de la creaci n art stica y de los recuerdos m s secretos Es un cofre de mago del que emergen objetos inesperados y asombrosos.La autora emprende un viaje al interior en un juego narrativo lleno de sorpresas En l se mezclan literatura y vida en un c ctel afrodis aco de biograf as ajenas y autobiograf a novelada Y, as , descubrimos que el gran Goethe adulaba a los poderosos hasta extremos rid culos, que Tolstoi era un energ meno, que Montero, de ni a, fue una enana, y que, con veinte a os, mantuvo un estrafalario y desternillante romance con un famoso actor Pero no deber amos fiarnos de todo lo que la autora cuenta sobre s misma los recuerdos no son siempre lo que parecen.Un libro sobre la fantas a y los sue os, sobre la locura y la pasi n, sobre los miedos y las dudas de los escritores, pero tambi n de los lectores La loca de la casa es, sobre todo, la t rrida historia de amor y salvaci n que hay entre Rosa Montero y su imaginaci n.

    pazza Dizionario italiano inglese WordReference pazza Traduzione del vocabolo e dei suoi composti, e discussioni del forum. Sabrina Severi la nostra pazza idea Nutrizionista modenese, ha lanciato nel la corsa che nel approdata a Torino Una pazza giornata di vacanza Una pazza giornata di vacanza Ferris Bueller s Day Off un film del scritto e diretto da John Hughes La pellicola, distribuita dalla Paramount Pictures a La pazza gioia MYmovies La pazza gioia Un film di Paolo Virz Paolo Virz fonde ironia, buonu e dramma in un on the road movie che guarda al mondo femminile con una La Mucca Pazza Brasserie Restaurant La Mucca Pazza Brasserie Restaurant ti sfida Tutti i mercoled potrai sfidare il ristorante e metterti alla prova contro il mitico piatto Tower Burger dal peso Pazza Idea Profilo Futuro Pazza Idea Femminile Plurale Il festival Pazza Idea esplora i complessi scenari sociali e culturali della contemporaneit attraverso la capacit Inter Home Page Inter Official Site Inter Milan News and updates from the official Inter website Get the latest updates on the team, club, interviews and also info about matches and tickets Home apepazza Da sempre, ogni nostro prodotto viene costruito con cura e dovizia di particolari, ogni prodotto attraversa un processo lavorativo completamente artigianale. La Gritta Italian Restaurant La Gritta features an elegant design and furnishings, as well as a sumptuous contemporary menu La Gritta at Amari Phuket offers two distinct sections La Gritta Kataweb Extra La Repubblica Per ogni informazione puoi scrivere a segnalazioni extra kataweb Per i Quotidiani Locali baster selezionare la testata di riferimento tra i quotidiani del

    Sabrina Severi la nostra pazza idea Nutrizionista modenese, ha lanciato nel la corsa che nel approdata a Torino Una pazza giornata di vacanza Una pazza giornata di vacanza Ferris Bueller s Day Off un film del scritto e diretto da John Hughes La pellicola, distribuita dalla Paramount Pictures a La pazza gioia MYmovies La pazza gioia Un film di Paolo Virz Paolo Virz fonde ironia, buonu e dramma in un on the road movie che guarda al mondo femminile con una La Mucca Pazza Brasserie Restaurant La Mucca Pazza Brasserie Restaurant ti sfida Tutti i mercoled potrai sfidare il ristorante e metterti alla prova contro il mitico piatto Tower Burger dal peso Pazza Idea Profilo Futuro Pazza Idea Femminile Plurale Il festival Pazza Idea esplora i complessi scenari sociali e culturali della contemporaneit attraverso la capacit Inter Home Page Inter Official Site Inter Milan News and updates from the official Inter website Get the latest updates on the team, club, interviews and also info about matches and tickets Home apepazza Da sempre, ogni nostro prodotto viene costruito con cura e dovizia di particolari, ogni prodotto attraversa un processo lavorativo completamente artigianale. La Gritta Italian Restaurant La Gritta features an elegant design and furnishings, as well as a sumptuous contemporary menu La Gritta at Amari Phuket offers two distinct sections La Gritta Kataweb Extra La Repubblica Per ogni informazione puoi scrivere a segnalazioni extra kataweb Per i Quotidiani Locali baster selezionare la testata di riferimento tra i quotidiani del I migliori video divertenti VIDEO Clicca su Mi Piace e porta le risate sulla tua bacheca con i video piu divertenti della rete

    • ì La pazza di casa || ✓ PDF Download by ß Rosa Montero
      283 Rosa Montero
    • thumbnail Title: ì La pazza di casa || ✓ PDF Download by ß Rosa Montero
      Posted by:Rosa Montero
      Published :2018-04-08T01:06:16+00:00

    1 thought on “La pazza di casa

    1. Comprei este livro há anos e deixei-o esquecido, por aqui nos montes, acho mesmo que até já esteve numa lista de livros para morrer sem lerhá dias li, num outro livro, uma referência sobre ele e fui procurá-lo. Foi uma surpresa a vários níveis. Não é propriamente um romance, é mais um ensaio sobre as ansiedades, medos, angústias por que passa um escritor durante o processo de criar arte. Rosa divaga sobre si própria enquanto relata alguns episódios curiosos protagonizados por outro [...]

    2. Montero faz um exercício de bitaitanço pegado sobre o que é ser romancista, entremeado (como certa carne de porco, e usando a harmonia elegante de um talhante) com narrativas de uma autobiografia em mutação (para mostrar ao leitor o quão virtuosa é na concretização formal do muito que alega de bitaite; mas que não passa de um exercício patético na qualidade). Como o livro é esse amontoado de opinadela básica, emitida por um ser sem superego que se torna penoso de acompanhar em cert [...]

    3. Um autêntico festim literário.O romance é uma rede para caçar o tempo, como as redes usadas por Nabokov para caçar borboletas; embora, desgraçadamente, tanto os lepidópteros como os fragmentos de temporalidade morram logo a seguir a serem apanhados.

    4. A necessidade de escrever. A experiência de escrever. Viver intensamente o que se escreve como se escrever um romance fosse habitar uma vida paralela que se afunila na vida real consumindo tudo.Ler “A Louca da Casa” é entrar na espiral de loucura de escrever um romance, ou pelo menos, ter uma visão bastante real da necessidade de entrega à escrita. Mas, acima de tudo, da necessidade da necessidade de entrega, da constante sede de imaginar e criar. De, mesmo quando se está a ler, deixar [...]

    5. Si hay algo que me encantó de este libro es que incita a escribir.El libro es un ensayo, un anecdotario, una reflexión personal y profunda, pero al mismo tiempo sencilla, respecto al oficio del escritor y la personalidad del que escribe. ¿Qué es literatura? ¿Qué diferencia hay entre un mal escritor y uno bueno? ¿Es verdad que el tiempo es el mejor juez de una obra de arte? ¿Existe la literatura de género? ¿De dónde proviene la inspiración del escritor?Son preguntas como éstas las qu [...]

    6. Adorei este livro inclassificável: entre o romance, o ensaio, a autobiografia, sem ser nenhum deles, ensina e deleita sem cansar.

    7. Mais um livro de Rosa Montero lido! E que maravilha!É-me difícil de classificar La loca de la casa, uma vez que é uma mistura de ensaio com memórias (provavalmente ficcionadas). Não é carne nem é peixe. Mas é muito gostoso.Altamente recomendado a todos os que escrevem e os que lêem. Rosa Montero merece ser lida.

    8. Primera vez que leo a una autora que no teme decir lo que piensa, que esta orgullosa del oficio que escogió en la vida y que narra y escribe estupendamente. Me mantuvo cautivada en cada una de sus páginas, y fue increíble entrar en sus pensamientos más profundos, cada capítulo está dedicado a la imaginación, la escritura, la literatura, y a los locos, si precisamente a los que no, nos contentamos con este mundo común y vulgar.

    9. En la loca de la casa, Rosa Montero nos muestra desde su perspectiva el universo íntimo de los escritores y examina el proceso de la creación y las idiosincrasias de aquellos que consideran que la literatura es algo esencial para vivir. La novela parece una mezcla entre un ensayo y una autobiografía novelada que explora el mundo interior de los escritores y la magia y el misterio del proceso creativo. Es también una reseña de biografías interesantísimas de autores que han triunfado y frac [...]

    10. Ha sido un descubrimiento tan grato de encontrar que no he podido hacer otra cosa que disfrutarlo a sorbitos. Sus capítulos no ocupan más que cinco o seis páginas y se leen muy rápido. Pero yo no quería eso, porque desde que leí los primeros párrafos me enamoré de su escritura. Pero total y pérdidamente. Y por eso leía muy poquito en días alternos.Fijaos si me ha gustado que al final lo he llenado de pos-its. Yo, que soy la anti-ponerle-cosas-a-los-libros. ¡Me he sentido tan identifi [...]

    11. Cuando empec�� este libro pensaba que era una novela con elementos autobiogr��ficos, por lo que me sorprendi�� gratamente encontrarme con un genial ensayo sobre la profesi��n de escritor y la tarea de escribir, con elementos autobiogr��ficos (y de biograf��as ajenas) muy novelados. Rosa Montero es sin duda una de las mejores escritoras espa��olas del momento, y como tal, este libro ofrece una maravillosa reflexi��n sobre la mente del escritor entregado a su tarea. [...]

    12. A veces los libros llegan a mí justo cuando más los necesitaba.Éste es un gran ejemplo después leí otro libro de Rosa Montero y lo odié, aunque eso no cambió mi percepción de La loca de lacas

    13. Não sei bem como começar este texto… Tenho que descrever a minha experiência com este livro de Rosa Montero, com o terceiro livro que leio dela, e sinto-me bloqueada. Talvez porque é um livro que a própria sinopse aponta como sendo um livro híbrido, sem um género específico. Contudo, pensando melhor, essa não poderá ser a razão principal para o meu bloqueio, já que nada disso me aconteceu quando li e escrevi sobre a Ridícula ideia de não voltar a ver-te.Refletindo um pouco mais, [...]

    14. A louca da casa é, mais ou menos, uma autobiografia, mas não deixa de ser, também, um livro sobre a arte de escrever e sobre escritores. Nesse aspecto, ele se assemelha bastante ao meu querido Sobre a escrita, do King, embora seja absurdamente diferente em outros. Enquanto Stephen King criou uma obra indubitavelmente autobiográfica e, de certa forma, técnica, na qual fala da escrita como ferramenta, profissão e prática, Rosa Montero cria uma autobiografia fantasiosa, que pode ou não ser [...]

    15. Delightful work based on Rosa Montero's life and experiences. Be careful! It is filled with amazing twists and turns which demonstrate clearly her expertise in the art of narration and literary creation.

    16. Por medio de este libro fue como conocí a Rosa Montero. Creo que ha sido, hasta el momento, el mejor ejemplo de cómo un título persuade y un contenido, con una línea estructural efervescente, sorprende. El maravilloso vaivén narrativo de Montero.

    17. Indispensável para quem gosta de ler, escrever e ler sobre escrever :) Fala sobre o papel da imaginação e muitas referências literária___Pg_8De maneira que inventamos para nós as nossas lembranças, que é o mesmo que dizer que nos inventamos a nós mesmos, porque a nossa identidade reside na memória, no relato da nossa biografia. Por conseguinte, poderiamos deduzir que os humanos são, acima de tudo, romancistas, autores de um único romance cuja escrita demora toda a sua existência e n [...]

    18. Primeiro livro terminado em 2017. Uma espécie de record no que toca ao término da primeira leitura num qualquer ano. Mas a culpa não é d'A Louca da Casa, pelo contrário, este foi o único livro, de vários que experimentei na primeira semana de Janeiro, a prender realmente a minha atenção. Já em 2015 havia iniciado o ano com uma leitura de Rosa Montero - A ridícula ideia de não voltar a ver-te - e isto tem o seu quê de catártico, começar o ano a absorver tantas emoções familiares [...]

    19. La realidad siempre es así: paradójica, incompleta, descuidada (p.148).No sabía qué esperar de este libro, pues pensé que era una novela, y aunque tiene elementos de ficción, no, no lo es; es un ensayo autobiográfico (si es que esto existe) sobre la escritura, las novelas y cómo esto se relaciona con la vida de la autora. Es la primera vez que leo a Rosa Montero y su estilo me gusta. Es limpio y certero. Es más, me he sentido identificada con algunas partes. Rescato dos cosas: la primer [...]

    20. Un híbrido ensayo-novela. Nos describe hermosamente anécdotas, ideas y definiciones suyas y de muchos otros escritores relacionadas con el oficio de la escritura, el placer y necesidad de escribir. Esto entrelazado a una historia que aparentemente es autobiográfica, o tal vez no.Buen libro, no sabía que esperar realmente de él pese a las opiniones de otros lectores. Si te gusta escribir seguramente te sentirás identificado en muchos de los capítulos.Rosa tiene una manera muy particular y [...]

    21. Me he dado cuenta que me gustan los libros en donde los escritores hablan del proceso creativo, de sus fuentes de inspiración y de lo que para ellos significa escribir. En este caso Rosa Montero además de hacer eso nos habla de si misma, el libro es una especie de autobiografía novelada en donde no sabemos con exactitud si se trata de un ejercicio de imaginación o verdaderamente se trata de una historia real. Hay muchos datos sobre la manera en que otros escritores convivieron con la imagina [...]

    22. Menos sozinha foi como me senti lendo "A louca da casa". Este deve ser um livro de cabeceira de todos nós que adoramos escrever. Leitura fácil, agradável e fluida. Indico para escritores, almejantes a escritores, curiosos que querem saber como funciona a imaginação dos escritores. Também deveria ser leitura obrigatória para as oficinas e cursos de Escrita Criativa.

    23. Não é um romance, não é uma biografia, não é um ensaio, não é um diário, não é uma aula de história ou de literatura; também não é um livro sobre escrita, ou sobre a imaginação, ou sobre o amor, ou sobre a loucura, ou sobre a memória, ou sobre a solidão.Mas é isso tudo ao mesmo tempo e é belíssimo!

    24. "Contra Franco, não vivíamos melhor de nenhum ponto de vista; do que eu gostava e ainda gosto naqueles anos é de tudo que não pertencia nem ao franquismo nem ao antifranquismo; eu gostava era da liberdade cotidiana que começava a ser construída por baixo do regime que estava desmoronando, e da contracultura, e da música ensurdecedora, e do espírito aventureiro e inovador que pulsava no ar, e da incrível sensação de que seríamos capazes de mudar o mundo. As noites ardiam naquela Madri [...]

    25. Es un excelente libro. Rosa te muestra a través de este ensayo lo que es la literatura y lo que es ser escritor, definitivamente es un libro lleno de referencias literarias como de autores que yo desconocía por lo que mi lista de libros para mi biblioteca seguirá en aumento. Este es el primer libro de Rosa Montero y deseo leer mucho mas de esta autora.

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *